Páginas

terça-feira, 3 de janeiro de 2006

Novas funções

Ano Novo, vida nova. É uma daquelas frases que de tanto repetida pouca significa. Bem, para mim, este ano, significou muito.

Depois de cinco anos em Lisboa, regressei profissionalmente a Aveiro, onde irei colaborar com a Cãmara Municipal de Aveiro como assessor de imprensa. era a actividade que já tinha exercido nos últimos três anos, quando abandonei o jornalismo. Foi com pena que abandonei dois projectos interessantes (o meu trabalho com a Toshiba e com a Microsoft, neste último caso com a nova consola XBOX 360) mas acredito que fiz uma boa aposta. Regresso a casa.

Obrigado desde já ao Júlio Almeida e "Cagaréus & Ceboleiros".

25 comentários:

  1. Parabéns! Acho eu...
    Só tenho uma questão: e agora será que vamos ter a mesma opinião livre aqui no Notas? Ou, aos três anos, será apenas mais um número para engrossar as estatísticas da mortalidade infantil?

    ResponderEliminar
  2. Muitos parabéns, boa sorte e bom trabalho!

    ResponderEliminar
  3. E viva a dança das cadeiras!

    ResponderEliminar
  4. Parabéns!! e espero que este seja mesmo um sinal de mudança. boa sorte!!

    ResponderEliminar
  5. Parabéns pela nova função,só espero que esse mesmo cargo não faça abrandar o ritmo e qualidade deste blog?

    ResponderEliminar
  6. Muitos parabéns pelo regresso a casa, embora um regresso assim seja para mim deprimente.
    Porque tem a política de ser tao porca? Devia servir exclusivamente para ajudar as pessoas em geral e não para arranjar taxos aos da mesma cor! Nunca me habituarei e concordarei com essa maneira de estar em política.
    Que tudo lhe corra bem mas fico triste por ter de deixar de visitar o seu blog. Isento...nunca mais será! Felicidades!

    ResponderEliminar
  7. a ver vamos se é desta que "sou" promovido... :)

    ResponderEliminar
  8. Afinal eu tinha era razão, tu querias era um tacho na CMA.
    Pronto, demorou mas conseguis-te

    ResponderEliminar
  9. Ora ora! Parabéns! Colega?...

    Também pelos 3 anos de casa, és mais velhito que eu e atenção que eu já sou senior! :)

    ResponderEliminar
  10. Olá jeitoso,

    Parabens pelas tuas novas funções,na certeza, porém, que, para contrariar tanta inabilidade (quer politica, quer ao nível da Comunicação), vais ter muito trabalhinho!

    Bjinhos

    ResponderEliminar
  11. ok .... menos um blog isento... este ja nao era muito devido as preferencias partidarias do JMO mas sempre achei q era o melhor a nivel de critica constructiva a cma... a apartir de agora vai deixar de o ser ... ja que o jmo n se arrisca a perder o cargo por qq coisa escrita por estas bandas... enfim

    ResponderEliminar
  12. Crónica de Bem-dizer

    Meu Caro João:
    Conheço-o de vista e de vista me conhecerá a mim. Costumo assiduamente ler este blog compreendendo que sempre influenciado, naturalmente, pelo código doutrinal do seu Criador.
    Li da sua nomeação para assessor da Câmara e acredite, estou a ser sincero, fiquei sereno, não me chocou. Parece-me ser uma pessoa capaz de saber gerir aquilo que hoje em dia é sem dúvida importantíssimo: A Informação!
    Desculpe lá a minha avaliação ou julgamento, mas todos nós gostamos sempre de ser juízes em casa dos outros e isto, não é a passar-lhe a mão pelo pêlo, desculpe o termo, mas nos escritos do seu blog as aspas aparecem como pontos de interrogação. Mas, continuando?
    A Câmara, desde as eleições que parece ter emigrado, enclausurou-se e isso é mau para todos nós, aveirenses.
    Tem sido interessante até hoje ler sobre política no seu blog. Não sei se o continuará a ser no futuro, perdoe-me a franqueza, mas toda a gente tem um preço e o seu, não sei qual é.
    Se isso acontecer, fico triste mas compreendo, acredite que sim. É que nos sítios onde ela devia fervilhar, anda amorfa, quando devia ser um desassossego constante e permanente para todos nós. Até os cronistas da nossa praça andam calados. Calados demais?
    Mesmo aqueles artigos de opinião, interessantes e importantíssimos para a vida dos aveirenses, proferidos por muitos, como pelo Senhor Prof. M. Coimbra no D.A. desapareceram, sendo que a última notícia que tive e li sobre ele, foi que descobriu que o sal cheirava a violetas.
    Passe a imodéstia, foi coisa que não me entusiasmou e ainda por cima dito por outro.
    Depois, aqui falhou-se na investigação e muito do dinheiro que para lá vai é meu, que diabo! O meu tio-avô, marnoto dos sete costados, há muito me segredou isso e muitas mais coisas sobre o sal e a Ria, mas isso agora não vem a propósito, mas sim a preocupação pelo seu silêncio. O que será feito dele?
    Outra figura não menos importante é a Senhora D. Susana, senhora sempre atenta, de alto compendio gramatical, de língua afiada e acutilante, com aquele seu sorriso tão maroto e lindo de morrer, fazendo transparecer a alegria, vivacidade e inteligência que lhe ia na alma e no cérebro. Aparecia, para gáudio de todos nós, periodicamente no D.A.
    Faz falta a sua visão à distância das coisas que iam mal em Aveiro. Foi interessantíssimo e importantíssimo ter lido as suas denúncias e correcções salomonicas que opinava em prol de um Aveiro mais arrumado, mais rasgado, mais moderno e limpo e que, muito alertou e influenciou os Aveirenses para os riscos que corriam e que podiam corrigir. Agora, para tristeza de todos nós, está emudecida. O que será feito dela, por onde andará?
    Outro, o dr. Ulisses Pereira, julgo que economista de formação académica, era também ele, uma das luzes da ribalta politica aveirense. Uma figura grada da nossa cidade, um trabalhador incansável, um vencedor em tudo o que se mete, um ganhador nato que conquistou com muita luta o poder politico em Aveiro, destronando altas figuras da cena aveirense, dentro de um dos partidos maiores, com mais militantes e que extravasou fronteiras na sua ânsia de bem servir. Homem com uma vontade férrea invulgaríssima e, por excelência, arrasador em tudo o que se mete e que não pára frente a nada. Era interessante ler os seus pensamentos para um Aveiro mais digno. Também ele parou de nos agitar e criou aos aveirenses um desassossego natural e compreensivo! Temos saudades de o ouvir e ler, mas ele emudeceu! Por onde andará?
    Enfim?meu caro João, desculpe, entusiasmei-me, mas termino. Felicito-o e creia que acredito em si, não me faça arrepender deste crédito que lhe dou e saiba que é bem melhor que o Bairrada 91 do dr. Raul.
    Parabéns e felicidades!

    ResponderEliminar
  13. Uma vez mais, a supremacia dos ovos moles sobre os pastéis de belém demonstrada nesta transferência.
    Boa sorte João

    ResponderEliminar
  14. Pois é.
    Quem porfia sempre alcança...

    Afinal o Élio também tem os seus boys for da jobs. Quem diria...

    ResponderEliminar
  15. Veja lá se aparece pelo Eleito para tomar um copo...

    ResponderEliminar
  16. Pois,mais vale juntar a si os apoiantes....

    S+o falta saber quanto vai ganhar por mês e se abandonará o cargo sem indemenização quando o ps voltar onde nunca devia ter saido...
    ... até parece que nã têm mais onde gastar o dinheiro

    ResponderEliminar
  17. Começar logo com uma mentira é muito feio: a estátua de sta Joana está paga há muito tempo, parece que até o Bispo afiança...O Helder ofereceu a estátua e agora diz a este executivo que quer dinheiro ? Devia ter vergonha. O que ele está a tentar fazer chama-se vigarice...João telefona ao Bispo...

    ResponderEliminar
  18. Caros Amigos,
    Análise Pós-Presidencial e cenário futuro no interior do PS em http://estaleiro.blogspot.com/ !!!
    Obrigado pela atenção.

    ResponderEliminar
  19. Caro João Oliveira,
    Espero que este blog não páre apesar das suas novas funções. Escrevi hoje umas palavras sobre este assunto no http://acaminhodeviseu.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  20. Muitos Parabéns, João! E bon courage!

    Quanto ao blog, vamos estar atentos. (Estás proibido de fazer campanha, mesmo que este seja um blog de autor ;))

    Abraço

    ResponderEliminar
  21. Era o que se temia. As novas funções acabaram com a liberdade de pensamento. Uma semana sem postar é uma eternidade na blogosfera. Temo que o Notas tenha chegado ao fim.

    ResponderEliminar
  22. Parabéns e continua o bom trabalho abraço
    Pedro sousa

    ResponderEliminar

O Notas de Aveiro não é responsável pelos comentários aqui escritos e assumidos pelos seus autores e a sua publicação não significa que concordemos com as opiniões emitidas. No entanto, como entendemos que somos de alguma forma responsáveis pelo que é escrito de forma anónima não temos pejo em apagar comentários...

Por isso se está a pensar injuriar ou difamar pessoas ou grupos e se refugia no anonimato... não se dê ao trabalho.

Não sabemos se vamos impedir a publicação de anónimos. É provável que o façamos. Por isso se desejar continuar a ver os seus comentários publicados, use um pseudónimo através do Blogger/Google e de-se a conhecer para notasaveiro@gmail.com.

João Oliveira

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...